Aplicativo

Quero criar aplicativo para celular, e agora?

Criar aplicativo para celular, independentemente do sistema operacional, nem sempre é uma tarefa simples. São necessários conhecimentos em programação e um pouco em design, para o layout do aplicativo ficar de acordo com o esperado e, principalmente, planejamento. Dessa forma, o app se destina ao público adequado, proporcionando ganho de tempo e lucro.

Para se ter uma ideia, a fase de planejamento é tão importante quanto o desenvolvimento em si, pois é ela que vai direcionar a criação. É importante frisar que o aplicativo precisa resolver um problema ou propor uma solução para um determinado público, que será aquele que irá instalar o software no celular. Existem inúmeros deles disponíveis, contudo só se destacam aqueles que propõem soluções interessantes ao usuário. Quer saber quais as etapas para criar um aplicativo? Confira as dicas a seguir.

aplicativo

Elabore um plano conciso

Partindo da premissa que os usuários necessitam de possíveis soluções para seus dispositivos móveis que irão atender suas necessidades, é importante refinar o conceito em plano bem definido antes de pensar em criar o aplicativo para celular. Ele poderá ser partilhado com os demais envolvidos e apresentado para prováveis investidores, e deve começar com uma definição do aplicativo e sua finalidade.

Defina as funções

Criar aplicativo para celular pode representar um grande consumo de tempo e recursos, por essa razão é imprescindível não errar no momento da definição das funções. Ela deve incluir a finalidade do app, a quem ele se destina e como será usado. Inicialmente, elabore uma definição clara da finalidade do aplicativo, ou seja, o que ele fará e como fará. Essa fase é interessante, pois dará respaldo para filtrar as ideias de cada recurso.

Pesquise o que outros aplicativos fazem, escolha alguns de seus recursos, levando em consideração quais os mais usados e indicados para dispositivos móveis. Assim, é possível ter uma lista grande de recursos difíceis de serem utilizados, e que nem sempre facilitam o cotidiano dos usuários e nem oferecem uma solução para um problema em específico.

Defina o público–alvo

Esse público poderá ser definido de acordo com a missão e os objetivos. Responda algumas perguntas como: o público realmente precisa disso? Se sim, qual a missão e a área de atuação? Quais os hábitos e o comportamento do público? Como está o mercado no qual o aplicativo será inserido? Reúna a maior parte de informações, sinalizando as dificuldades e os pontos fortes do mercado.

Escolha as ferramentas para o aplicativo

Existem diferentes ferramentas para criar aplicativo para celular que se diferem de acordo com a plataforma, linguagem e dificuldade de desenvolvimento. Java e HTML são as mais comuns, contudo necessitam de conhecimento prévio e alguns programadores tendem a passar muitas horas fazendo contas e criando códigos para que tudo dê certo.

Quem não tem o conhecimento técnico tem como opção aprender a linguagem, que demanda tempo e dinheiro, e também utilizar algumas ferramentas para a criação de aplicativos em poucos passos, mas que apresentam recursos limitados e acabam gerando mais custos do que inicialmente estavam previstos como colocar o app nas bibliotecas da Playstore, iOS, entre outras.

A terceira opção é contratar uma empresa especializada em criar aplicativo para celular. Não é tão custoso quanto se imagina, uma vez que há um ganho de tempo e qualidade do produto. A economia é ainda maior se o aplicativo representar maior lucratividade em relação à qualidade. Entre as empresas desenvolvedoras que se destacam está a InCuca, especialista em soluções tecnológicas em sistemas de informação e comunicação destinada a outras empresas, comunidades e pessoas.

Gostou das dicas? Continue acompanhando nosso blog para conhecer as novidades do mercado. Se ficou com alguma dúvida, escreva para nós pelos comentários.

Sobre o autor

Lucas Adiers Stefanello

CEO at InCuca. Construtor de ambientes de alta performance na internet. Apaixonado por tecnologia e comunicação é empreendedor e desenvolvedor WordPress desde suas primeiras versões em 2005, jornalista, analista de sistemas e de projetos digitais.

Deixe um comentário

Assine nossa newsletter

Não enviamos spans, apenas informações relavantes para melhorar seu ambiente virtual.

Assinatura realizada com sucesso!